Contact us:

Any question, comment or suggestion? Please don't hesitate to contact us.


Madrid
Spain

+34 658572837

Enjoy the best parties around the world with all the confort and making new friends

Disfruta las mejores fiestas del mundo con todo el confort y nuevos amigos

Aproveite as melhores festas do mundo com o máxico de conforto e novos amigos

 

Imprensa

 

 

Lifestyle | Turismo

"Nosso objetivo é conectar pessoas": diz criador do "The Mansion", serviço de viagem para gays

Por Augusto Rossi em 12/12/2013 às 19h30

O brasileiro Diogo de Sá (foto) é o anfitrião da The Mansion, serviço de viagem e hospedagem para gays dispostos a novas experiências e amizades.

Segundo o criador, tudo o que uma viagem deve proporcionar, lugares agradáveis e muita diversão, faz parte dos atrativos oferecidos pelo serviço, classificado por um dos hóspedes como “um Big Brother onde a única tarefa é se divertir".

Pelo The Mansion já passaram 24 pessoas, de 15 países diferentes, incluindo sete brasileiros. O serviço já esteve presente na edição de 2013 do Circuit Festival, em Barcelona, na Espanha, e se prepara agora para o Réveillon em Madri, onde acontece sete dias de festas.

Aqui no Brasil, o The Mansion abre as portas durante o mês de fevereiro e março de 2014, no Carnaval de Florianópolis, em parceria com a festa We Party. A seguir, confira a entrevista de Diogo Sá ao site A Capa.

Como surgiu ideia da The Mansion?
The Mansion é a forma que encontrei de tentar inspirar mais gente a viajar, que para mim é uma das coisas que mais nos fazem sentir vivos. Em fevereiro, cheguei a Madri vindo de São Paulo para estudar. Pelo fato de estar na Europa, onde a indústria do turismo gay é gigante - principalmente pelas curtas distâncias, grande acessibilidade entre cidades e países e quantidade de festas -, passei a ser referência de dicas para amigos brasileiros que planejavam viajar ao Velho Continente. Isso foi fundamental começar o projeto. Sempre achei tambem que, para os gays, além do sentido de conhecer novas culturas e costumes, cair na estrada tem outro sentido especial: fazer amigos. Então quis confirmar minha hipótese.

Qual é o objetivo da The Mansion?
Conectar gays com interesses comuns e lhes oferecer uma experiência de viagem significativa com o mínimo de esforço possível. Por exemplo: vir a uma circuit festival da moda, ficar numa casa super confortável e bem localizada com caras do mundo inteiro e ter um host local, com gostos parecidos, disponível 24h. O papel do anfitrião é essencial. É ele quem aproxima o time ao anunciar os novos hóspedes aos demais, à medida que estes reservam lugar na casa.

Quais as outras funções de um anfitrião?
Como conhece bem a cidade, ele providencia todos os detalhes. Comida saudável, academia boa e acessível, entradas das melhores festas e contato com outros locais. Sempre há também os hospedes que querem um chip de telefone local para facilitar a comunicação com novos e velhos amigos ou pedem a reserva de um restaurante da moda: serviços prontamente atendidos. Um de nossos convidados que o 'The Mansion é um Big Brother onde a única tarefa é se divertir'. Como nossa meta é atender todos os desejos dos nossos hóspedes, que querem fazer amigos e aproveitar ao máximos seus dias de férias, gostei muito da definição!

Existe alguma regra pra participar?
Diria que três comportamentos básicos: estar disposto a conhecer gente, ser tolerante e respeitoso com a privacidade de cada um. Um manual de ótimas condutas enviado antes de cada edição e colado na casa ajuda a reforçar nossos valores. O objetivo comum é se divertir, nunca houve qualquer problema. Não há perfil físico, de idade ou de status de relacionamento. O que tentamos fazer é aproximar ao máximo as tribos baseadas em seus interesses, o que naturalmente é um filtro.

Conte uma passagem que você achou incrível dentro desse serviço oferecido?
Há várias! Uma inusitada foi a a mãe de um potencial hóspede de 21 anos me ligar de Miami peguntando se seu filho estaria “seguro” na The Mansion Barcelona, durante o Circuit Festival. Ele veio, adorou, e eu recebi um lindo e-mail de agradecimento dela. Tem também as românticas: a formação de casais que depois de The Mansion seguem juntos a milhares quilômetros de distância.

Mais: Leia a entrevista no site.